Publicidade

esportes

Técnico do Guarani lamenta resultado, mas crê em reação rápida

Vindo da vitória no Dérbi e de um empate sem gols com o Remo na última rodada, o Bugre está com nove pontos, na zona intermediária da tabela

| ACidadeON Campinas -

Daniel Paulista, técnico do Guarani (Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC)

Após a derrota do Guarani por 2 a 0 para o Coritiba pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Daniel Paulista concedeu entrevista coletiva e lamentou o resultado negativo.

"Os números mostraram uma certa superioridade, em oportunidades, posse de bola, passes, em todos os quesitos, escanteios, mas o que vale é a bola no gol e infelizmente ficamos devendo nesse ponto, tecnicamente não foi uma boa partida da nossa equipe. A gente teve organização, principalmente no primeiro tempo, enfrentamos uma equipe muito boa, que nos colocou em muitas dificuldades, mas mesmo assim conseguimos criar contra eles. Em um lance de falha coletiva nossa abriram o placar e no segundo tempo com a gente aberto, buscando o gol de empate, tomamos o gol em um contra-ataque e acabamos saindo derrotados, sabemos que precisamos melhorar, temos consciência, oscilações vão acontecer", disse o treinador.

Vindo da vitória no Dérbi e de um empate sem gols com o Remo na última rodada, o Bugre está com nove pontos, na zona intermediária da tabela. Em seu próximo compromisso, a equipe enfrenta o Cruzeiro, fora de casa, na quarta-feira, às 19h00, no Mineirão. O comandante bugrino ressaltou o que precisa ser corrigido.

"É procurar reorganizar a equipe, recuperar no aspecto físico, foram três jogos em seis dias, não estamos satisfeitos com o resultado, mas seguimos trabalhando. São dois jogos onde a gente criou muitas oportunidades, mais que o adversário, mas não conseguiu vencer. É um ponto que tem que gerar um sinal de alerta, reavaliar algumas situações para que isso não volte acontecer e a gente saiba aproveitar as oportunidades."

Mais notícias


Publicidade