cotidiano

Especial coronavirus

Fase emergencial: Supermercados funcionam até meia-noite em Amparo

Etapa mais restritiva do Plano SP entra em vigor amanhã e antecede o primeiro final de semana de lockdown, que começa na sexta-feira; entenda

| ACidade ON - Circuito das Águas -

Amparo aperta as restrições contra a covid-19 (Foto: Divulgação)
Os supermercados de Amparo foram autorizados a estender o horário de atendimento, dentro do limite de ocupação pré-estabelecido à cada unidade, até a meia-noite nos dias de fase vermelha emergencial. O anúncio foi feito horas antes da publicação do decreto.  

Amparo entra na etapa mais restritiva do Plano São Paulo às 0h desta terça-feira (1) e permanece nela até quinta-feira (3). A partir de sexta-feira (4) será adotado o "lockdown".  Isso pela primeira vez desde que a pandemia da covid-19 começou. Entre sexta (4) e domingo (6) os supermercados só atenderão na forma delivery.  

COMO VAI FUNCIONAR  

FASE VERMELHA

Primeira semana:
*
Período de 0h de terça-feira até 23h59 de quinta-feira (3);

Segunda semana 
*Dias 7, 8, 9 e 10 de junho;

REGRAS PRELIMINARES  
*Podem funcionar serviços essenciais, como supermercados, farmácias. postos de combustíveis, indústrias, padarias;
*Supermercados poderão funcionar até meia-noite dentro da capacidade de ocupação pré-estabelecida; 
*Comércio não funciona 

"'LOCKDOWN" 

Primeira semana
*
Dias 4, 5 e 6, sexta-feira a domingo  

Segunda semana
*
Dias 11, 12 e 13 de junho, sexta-feira a domingo  

REGRAS PRELIMINARES 
*Apenas pessoas que trabalham com entrega de alimentos em supermercados e restaurantes e em indústrias essenciais poderão trabalhar;
*Os trabalhadores serão cadastrados no site da prefeitura para que a fiscalização tenha o controle de quem pode estar na rua no final de semana;
*As pessoas que estiverem na rua e não estiverem cadastradas como trabalhadores desses setores, estarão sujeitas a multa. O valor é de R$ 500;
*Durante o lockdown" o transporte coletivo não funciona;
*Indústrias essenciais da cidade, como de limpeza, produtos da área da saúde, e alimentos, poderão funcionar com 50% dos funcionários, desde que testados negativos para covid-19;
*Postos de gasolina mantêm o atendimento nas duas próximas sextas-feiras e fecham aos sábados e domingos de "lockdown";
*Supermercados poderão trabalhar na forma delivery.



Mais notícias


Publicidade