Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Tempo seco aumenta a incidência de pneumonia e viroses

Para que o ar chegue ao pulmão, é necessário que a umidade seja igual ou acima de 60%, que é o recomendado pela OMS

| Folhapress

Tempo seco aumenta doenças respiratórias. Foto: Divulgação Prefeitura

Por trás da alegria que o calor proporciona, estão sérias consequências para a saúde. O tempo seco aumenta as ocorrências de pneumonia, demais infecções respiratórias, as crises de asma, bronquiolite nas crianças e as viroses. O alerta é do otorrinolaringologista da USP, Olavo Mion.O ar seco prejudica diretamente os olhos, o nariz e o pulmão.   

"Há uma perda da defesa. As mucosas expostas à secura sofrem. Esta condição do tempo tira a umidade do globo ocular e das vias respiratórias. Como essas regiões ficam desidratadas, perdem a função de proteção. Com isso, os olhos ficam sujeitos a lesões. O nariz, que é a nossa primeira defesa na via aérea, fica mais seco", explica Mion.  

O nariz tem três funções: filtração, aquecimento e umidificação do ar. Para que o ar chegue ao pulmão, é necessário que a umidade seja igual ou acima de 60%, que é o recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde). Se o nariz está ressecado, isso não acontece. "A mucosa ressecada favorece a penetração do vírus, o que causa as infecções."  

Crianças e idosos devem ter o cuidado redobrado, pois estão mais suscetíveis, uma vez que os mecanismos de defesa são mais frágeis. "Quando o ar está muito seco, desidratamos pela respiração. O idoso tem facilidade para desidratar e dificuldade de repor a água perdida", diz Mion.  

RECOMENDAÇÕES  

Beba um copo com 250 ml de água por hora, caso esteja ao ar livre; em ambientes fechados, esse tempo sobe para duas horasLave o nariz com soro fisiológico de quatro a seis vezes ao dia; o mesmo vale para colírios de limpeza (sem medicação)As janelas devem ficar fechadas, porque a transpiração deixa o ambiente com a umidade mais adequadaEvite aglomeraçõesSe os índices de umidade estiverem abaixo de 20%, utilize os umidificadoresEvite praticar esportes ao ar livreSe a umidade estiver abaixo de 30% o ideal não sair de casa  

DETRAN.SP EMITE ALERTA AOS MOTORISTAS  

O Detran.SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) orienta a não dirigir nos horários em que a incidência solar está mais intensa (11h às 17h). Se não tiver como escapar do trânsito no período, beba água, use protetor solar e óculos escuros. Tente umidificar o ambiente e use soro fisiológico nos olhos e narinas.Uma recomendação geral é que o motorista não dirija se estiver cansado ou então logo após ingerir alimentos pesados ou gordurosos. Esses alimentos podem causar sonolência ou até mesmo provocar algum tipo de mal-estar.  

TEMPERATURAS 
 
Segundo alerta da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil, até esta quinta-feira (12) os termômetros alcançarão a casa dos 35°C na região metropolitana, Campinas, Santos e litoral norte, e em São José dos Campos (Vale do Paraíba), Sorocaba, Registro, Bauru, São José do Rio Preto, Araraquara, Franca e Itapeva, no interior do estado.Em Ribeirão Preto, Araçatuba, Presidente Prudente, Marília e Barretos, também no interior, as temperaturas ficarão entre os 35°C e 38°C.   

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Mais do ACidade ON