Publicidade

cotidiano

Filas geram reclamações na farmácia de alto custo da Unicamp

Pacientes relatam que o problema é recorrente e que a espera dura horas

| ACidadeON Campinas -

Pessoas se aglomeraram ao redor dos guichês do local (Foto: Reprodução)
 

Usuários que foram à farmácia de alto custo da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) na manhã desta quinta-feira (14), em Campinas, encontraram grandes filas e tiveram que enfrentar horas de espera pelo atendimento. 

As imagens feitas pelos pacientes mostram várias pessoas em pé e aglomeradas ao redor dos guichês à espera dos medicamentos. Os bancos instalados no local ficaram ocupados e alguns usuários se sentaram na calçada (veja o vídeo abaixo). 

A principal reclamação de quem depende do atendimento é de que o problema é recorrente e acontece, principalmente, por conta da quantidade insuficiente de funcionários para suprir a demanda gerada pelo número de usuários. 

"Eu venho aqui uma vez por mês e sempre é assim. Eu cheguei às 8h20, tem somente duas atendentes nos guichês e são 98 senhas na minha frente. Devo sair daqui por volta do meio-dia", disse um morador que estava no local.  

O QUE DIZ A SECRETARIA 

A secretaria de Saúde do Estado afirma que a farmácia de alto custo da Unicamp "realiza a dispensa de mais de 200 medicamentos mensalmente" e que o local "conta com cinco guichês e atende, em média 250, pacientes por dia"

A nota, porém, alega que a unidade sofre com "um aumento de 25% em algumas ocasiões" e que os pacientes são orientados a "comparecer nos horários indicados para o bom funcionamento da unidade e para o conforto dos usuários". 

Ainda conforme a pasta, o horário de funcionamento da farmácia é de segunda à sexta das 8h às 16h. E os pacientes podem agendar o retorno diretamente na unidade ou por meio do telefone (19) 3521-7308.



Mais notícias


Publicidade