Aguarde...

cotidiano

Parques e bosques abrem por oitos horas a partir de hoje: 7h às 15h

Vale lembrar que o uso de equipamentos de ginástica, brinquedos e quadras esportivas continua proibido

| ACidadeON Campinas

Pessoas circulando no interior da Lagoa do Taquaral. (Foto: Luciano Claudino/Código19)

Os parques e bosques de Campinas começam a funcionar a partir de hoje (12) por oito horas diárias na cidade. O horário de funcionamento está sendo prolongado por mais duas horas, com isso o novo horário de funcionamento passa a ser das 7h às 15h. Até ontem, os portões eram fechados às 13h.

A cidade possui 24 parques e bosques e eles seguem funcionando de quarta-feira a domingo. Porém, os equipamentos continuam funcionando com 30% da capacidade e com a obrigatoriedade do uso de máscara. Nesses locais também há a disponibilização de álcool em gel aos usuários.

Vale lembrar que o uso de equipamentos de ginástica, brinquedos e quadras esportivas continua proibido. Na Lagoa do Taquaral que costuma reunir o maior número de visitantes as atrações como pedalinhos e a visitação a Caravela continuam fechados (veja mais abaixo).

Em Campinas, os parques da cidade estão funcionando desde 15 de agosto, porém até ontem funcionavam por apenas seis horas (das 7h às 13h), como seguia a primeira recomendação do Estado para reabertura desses locais.   
Os parques foram fechados no dia 19 de março como medida de prevenção a disseminação do novo coronavírus.
Na fase amarela do Plano São Paulo desde o dia 7 de agosto, a partir do dia 21 a cidade pôde aumentar o horário de funcionamento de parques, comércios e estabelecimentos de serviço. No entanto, mesmo com a liberação e a publicação do decreto, a Prefeitura optou por não colocar na prática o horário estendido nos parques.  

No final de semana passado, com o feriado de 7 de setembro, a Lagoa do Taquaral registrou fila e aglomeração na porta do equipamento de lazer. Segundo a Prefeitura, cerca de 6,5 mil pessoas foram no local, durante o feriado. "Neste final de semana, até por conta do feriado, tivemos um movimento acima da média, percebida nos últimos fins de semana", afirmou o secretário de Serviços Público, Enerto Paulella. O máximo permitido para o parque eram de 1,5 mil pessoas, mas a Lagoa registrou a passagem de 6,5 mil visitantes.

ATRAÇÕES FECHADAS

Apesar da ampliação do horário, as atrações de dentro dos parques continuarão fechadas - por exemplo, os pedalinhos, bondinho e a caravela da Lagoa do Taquaral, bem como ginásio, quadras, campos de futebol e parquinho infantil, assim como museus e bibliotecas em alguns parques.

Bebedouros estarão desativados e a Prefeitura recomenda que sejam usadas torneiras apenas para encher garrafas de água.

Lanchonetes e quiosques de venda de alimentos e souvenires podem funcionar desde que respeitem o horário de funcionamento do parque e sigam os protocolos específicos do setor.

Ainda no caso específico da Lagoa do Taquaral, a pista interna da Avenida Heitor Penteado não ficará fechada nas manhãs de domingo, conforme era habitual.

VEJA AS REGRAS PARA OS PARQUES

- Os parques irão funcionar de quarta-feira a domingo, das 7h às 15h; 

- Haverá um banner na entrada dos parques com todas as orientações sobre medidas sanitárias, como manter o distanciamento social, evitar aglomerações, fazer higiene, usar máscara, entre outras;  

- Os parques poderão receber 30% dos visitantes; 

- O uso de máscara nos parques será obrigatório;  

- Haverá álcool gel na entrada dos parques; 

- As atrações de uso coletivo, como parquinhos, quadras, campos de futebol, academias, entre outros permanecerão fechadas em todos os parques e bosques;  

- No caso da Lagoa do Taquaral, por exemplo, estarão fechadas as atrações bonde, caravela, pedalinhos, parquinhos infantis (casa da criança e parque inclusivo) todas as academias (musculação; adaptada; ar livre), quadras poliesportivas e campos de futebol, piscinas, entre outras; 

- Nos grandes parques de Campinas, que recebem mais visitantes (Lagoa do Taquaral; Bosques dos Jequitibás; Parque Luciano do Valle, na Vila União; e Parque Dom Bosco, no Vida Nova), haverá controle do fluxo de pessoas na entrada. Também irá funcionar apenas o portão principal; 

- Nos demais, funcionários e seguranças vão orientar os frequentadores para que não se aglomerem.

Mais do ACidade ON