cotidiano

Especial coronavirus

Ocupação UTI-Covid cresce em Campinas e SUS tem 13 leitos livres

Cidade está com 82,81% dos leitos complexos ocupados com pacientes de coronavírus nesta quarta-feira (17)

| ACidadeON Campinas -

O Hospital Mário Gatti, em Campinas (Foto: Carlos Bassan/PMC) 

A ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) para covid-19 em Campinas aumentou nesta quarta-feira (17), chegando a 82,81%. De acordo com o balanço divulgado pela Secretaria de Saúde, a cidade tem 13 leitos livres para o SUS. Ontem, o índice era de 81,25% e ele ficou estável por dois dias.

De acordo com o levantamento, Campinas tem 256 leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19 nas redes pública e particular. Deste total, 212 estão ocupados, o que corresponde a 82,81%. Há 44 leitos livres somando as redes pública e particular.

Ainda hoje, boletim epidemiológico da Administração indicou mais 12 mortes pelo novo coronavírus, além de 446 novos casos da doença. Com isso, a cidade tem 1.786 mortes e 66.446 casos confirmados desde março de 2020.

A situação é considerada preocupante por parte do Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde), que vê um aumento progressivo no número de mortes e casos confirmados de covid-19 nas últimas semanas.

Já os leitos estão divididos da seguinte forma:

SUS Municipal: 107 leitos, dos quais 95 estão ocupados, o que equivale a 88,79%. Há 12 leitos livres.

SUS Estadual: 17 leitos, dos quais 16 estão ocupados, o que corresponde a 94,12%. Há 1 leito livre.

Particular: 132 leitos, dos quais 101 estão ocupados, o que equivale a 76,52%. Há 31 leitos livres.

Mais notícias


Publicidade