Aguarde...

Política

Jonas critica Bolsonaro após divulgação de vídeo: "descontole"

Sigilo de vídeo de reunião ministerial que Moro diz ser prova de interferência de presidente na PF foi quebrado pelo STF nesta sexta-feira (22)

| ACidadeON Campinas

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB) (Foto: Carlos Bassan/PMC) 

O prefeito de Campinas e presidente da FNP (Federação Nacional de Prefeitos), Jonas Donizette (PSB), criticou o uso de palavrões do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em vídeo da reunião ministerial que teve o sigilo quebrado nesta sexta-feira (22) pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

Jonas tuitou que "usar palavrões para se referir a prefeitos demonstra descontrole" do presidente e que está indignado com o fato de Bolsonaro mostrar "tamanho desrespeito com governantes eleitos pelo povo".  




No vídeo, Bolsonaro diz que "um bosta de um prefeito baixa um bosta de um decreto, algema todo mundo em casa", disse, provavelmente se referindo a Edinho Silva (PT), prefeito de Araraquara.

O presidente também atacou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), chamando o de "bosta", e o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), de estrume.   

De Campinas, Jonas encerrou o tuíte dizendo que "os limites democráticos já foram rompidor e esse vídeo explicita isso". O sigilo do vídeo foi quebrado pelo ministro Celso de Mello e é citado pelo ex-ministro de Justiça, Sérgio Moro, como prova da interferência de Jair Bolsonaro na PF (Polícia Federal) para proteger os filhos. Sobre a proteção, Bolsonaro disse que que não ia esperar "foder a minha família toda".

Mais do ACidade ON