Aguarde...

ACidadeON Campinas

boa

Alimentação é um dos segmentos mais procurados pelos MEI's

Há aqueles que perderam o emprego e precisaram buscar uma nova fonte de remuneração e também aqueles que sempre tiveram o sonho de ter o próprio negócio

| ACidadeON/Ribeirao


Aline Lana é sócia e diretora da ACN Nutrição(Foto: William Diez)
As dificuldades econômicas vividas pelos brasileiros nos últimos anos fizeram aumentar significativamente o número de registros de MEI's (Micro Empreendedores Individuais). São vários os motivos que levam as pessoas a decidir empreender. Há aqueles que perderam o emprego e precisaram buscar uma nova fonte de remuneração e também aqueles que sempre tiveram o sonho de ter o próprio negócio e encontraram nas regras dos MEI's uma maneira pouco burocrática de formalização. 

Os números do Portal do Empreendedor do Sebrae mostram que, nos últimos dois anos, o número de MEI's cresceu 17,7%, em Ribeirão Preto. A formalização de empreendedores no segmento da alimentação é uma das que mais cresce. Porém, para atuar na produção e venda de produtos alimentícios é importante ter conhecimento das regras básicas de segurança alimentar exigidas pela legislação. 
 
MEI´s são muito procuradas para o setor de alimentação (Foto: Divulgação)
De acordo com informações da Vigilância Sanitária, no caso dos MEI's, desde que a atividade seja considerada de baixo risco e não haja grande circulação de pessoas, ela pode ser exercida na própria residência, desde que atendendo às normas de segurança alimentar, que são as mesmas, independente do porte da empresa. 

Se você planeja empreender nesta área é importante saber que será necessário implantar medidas básicas de segurança e higiene, como a colocação de telas nas janelas, instalação de um lavatório exclusivo para as mãos, utilização de lixeiras com tampas acionadas por pedal e, ter conhecimento de que, se tiver um animalzinho de estimação em casa, ele não poderá circular pela área onde são preparados os alimentos. 

Além disso, é claro, é preciso ter atenção às normas de armazenamento de alimentos, como a colocação de etiquetas com nome do produto e data de validade, temperatura adequada de refrigeração e noções básicas de higienização de hortifrútis. 

Atuar no segmento da alimentação é uma ótima opção para quem deseja empreender, desde que sejam observadas regras de segurança para que seus clientes se deliciem com seus produtos, sem correr riscos.
 
 
*Aline Lana é sócia da ACN Nutrição, empresa que presta consultoria na área de segurança alimentar e ministra cursos para profissionais da área da Nutrição.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook