Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Grupo é vítima de golpe em anúncio de emprego

O anúncio cobrava uma taxa de R$ 32 para uma vaga na Unimed

| ACidadeON Campinas

Cerca de 30 pessoas foram enganadas (Foto: Denny Cesare/Código19) 

Um grupo de cerca de 30 pessoas de Campinas foi vítima de um golpe envolvendo uma vaga de emprego no site Emprega Campinas. A contratação era para atendimento na Unimed e cobrava uma taxa de R$ 32, mas chegando ao local, na quinta-feira (7), descobriram que a vaga anunciada na verdade não existia.

A vaga era com foco na contratação de novos profissionais da área de atendimento e o processo seletivo seria ontem, às 9h.

O e-mail enviado aos candidatos informava que seria aplicada prova de integração, que reúne assuntos básicos em informática, com foco no cadastro de clientes, português e normas verbais, além de assuntos na área administrativa.

"Estávamos em torno de 30 pessoas aguardando, quando somos informados que fomos vitimas de um golpe. Não existia seleção nenhuma, mandaram a gente fazer boletim de ocorrência cada um no seu bairro", afirmou Camila Silva, uma das vítimas.

OUTRO LADO

O Emprega Campinas informou que já tomou as providências devidas há vários dias, excluindo o anúncio e bloqueando o usuário, além de outras medidas de ordem técnica para evitar novos anúncios. A vaga foi publicada no começo de janeiro e foi excluída logo depois.

"Quanto às empresas que usam ofertas de emprego para venda de cursos ou materiais ou que exijam pagamento de taxas para participação em processo seletivo, existe a possibilidade de fazer uma queixa na polícia, bem como, no Ministério Público do Trabalho (por falsa promessa de emprego) e Ministério Público Estadual (estelionato e falsidade ideológica)", informou.

"Para esse caso, o Emprega Campinas está trabalhando ativamente na adoção de medidas técnicas para evitar que este anunciante anuncie novas vagas. Além disso, já efetuamos denúncia no Ministério Público do Trabalho, Ministério Público Estadual e também na Polícia", afirmou Alex Lima, administrador do Emprega Campinas.

Já a Unimed informou que tomou conhecimento desse fato no dia 21 de janeiro e que publicou uma nota paga em uma jornal de Campinas informando o ocorrido.  Além disso, o mesmo alerta de fraude foi transmitido via rádio e pelo portal corporativo da empresa foi enviado aos clientes uma mensagem. "Foi registrado um boletim de ocorrência também", informou.