Aguarde...

cotidiano

Governo do Estado coloca Cerecamp à venda em Campinas

O Cerecamp, também conhecido como Estádio da Mogiana, foi colocado no programa de venda ou concessão de uso; um projeto de lei foi encaminhado à Alesp

| ACidadeON Campinas

Cerecamp será vendido pelo governo do Estado (Foto: Luciano Claudino/Código19) 

O governo do Estado de São Paulo enviou à Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de são Paulo) um PL (Projeto de Lei) em que pede autorização para vender o Cerecamp (Centro Recreativo e Esportivo de Campinas), também conhecido como Estádio da Mogiana, em Campinas.

Segundo a Secretaria Estadual de Esportes, foi feito um relatório técnico pelo IPT (Instituto de Pesquisas tecnológicas do Estado de São Paulo), mostrando que o local tem condições precárias em suas instalações. Por isso ele foi incluído no programa de venda ou concessão de uso.

A Câmara de Vereadores de Campinas, através de um projeto de lei, tentou realizar a cessão ou transferência definitiva do Cerecamp para o Instituto Cultural Nipo Brasileiro de Campinas ou para o município, o que não ocorreu.

O vereador Gustavo Petta (PCdoB) marcou uma audiência pública sobre o tema para a próxima segunda-feira (9), no Plenarinho da Câmara, a partir das 14h.

A Secretaria Estadual de Esporte foi procurada para comentar o tema, mas até a publicação da reportagem não houve retorno.

HISTÓRIA


O Cerecamp, mais conhecido também Estádio da Mogiana, é um estádio localizado no bairro Guanabara. Pertence ao Governo do Estado de São Paulo e possui capacidade para 4 mil pessoas.

O estádio foi palco do primeiro dérbi noturno da história de Guarani e Ponte Preta, em 1948. O Bugre acabou derrotando a Macaca por 5 a 2.

O local está, desde 2003, preservado como patrimônio histórico da cidade e do estado.  


Mais do ACidade ON