Aguarde...

cotidiano

Unicamp suspende aulas presenciais por tempo indeterminado

Segundo a instituição, a medida foi tomada pelo contínuo crescimento de casos da covid-19

| ACidadeON Campinas

Universidade prorrogou suspensão de aulas presenciais por tempo indeterminado (Foto: Denny Cesare/Código 19)
A Unicamp (Universidade de Campinas) informou nesta terça-feira (30) que prorrogou as atividades presenciais por tempo indeterminado nos campi de Campinas, Piracicaba e Limeira.  A última prorrogação da universidade tinha sido feita no dia 28 de maio, e era válida até hoje (30).  

Segundo a instituição, a medida foi tomada pelo contínuo crescimento de casos da covid-19, e como medida preventiva para a universidade. Até o momento, Campinas conta com 317 mortes e 8.286 (leia mais aqui).

A decisão foi assinada pelo reitor da Unicamp, Marcelo Knobel e está, no entanto, sujeita a reavaliação a qualquer momento, de acordo com a evolução da pandemia. A universidade foi a primeira a parar as atividades presenciais, antes mesmo das medidas de quarentena em Campinas e no Estado, e adotou a suspensão das aulas presenciais no dia 13 de março.

No último dia 17, a universidade já havia informado por meio de nota, que as aulas do segundo semestre deste ano deveriam seguir de maneira remota, com previsão de estender o primeiro semestre até agosto, e com retorno do segundo semestre para meados de setembro. No mês passado, o reitor da instituição ainda afirmou estudar adiar o vestibular da Unicamp, junto com a USP e Unesp (leia mais aqui).

A expectativa, segundo a universidade, é que a retomada das atividades presenciais seja progressiva e se complete durante o ano que vem, até o final do primeiro semestre de 2021 nos três campi.

Na nota, a instituição informou que o retorno às aulas presenciais ocorrerá somente quando houver condições favoráveis, e se dará de maneira gradativa, num processo que priorizará a saúde da comunidade acadêmica, e levará em conta a situação dos estudantes, professores e a heterogeneidade dos cursos e disciplinas.

A Unicamp ainda explicou que existem disciplinas avançadas em alguns cursos, com número reduzido de estudantes, para as quais a retomada presencial será mais simples. Mas que todos os casos serão avaliados pelas unidades e cursos para permitir, quando possível, uma retomada segura e gradual.  

Na Unicamp, as novas regras durante a pandemia permitem até que professores não precisem dar notas para os estudantes.



Mais do ACidade ON