Aguarde...

cotidiano

Vendedores da feira hippie criam delivery contra aglomerações

Perfil no Instagram divulga cardápios e telefones das barracas do Centro de Convivência; feira volta no próximo sábado (1º)

| ACidadeON Campinas

Feira do Centro de Convivência, em Campinas (Foto: Luciano Claudino/Código 19)

A fim de evitar aglomeração, os vendedores das barracas de alimentação da feira hippie do Centro de Convivência, em Campinas, criaram um perfil no Instagram para facilitar os pedidos e entrega dos produtos comercializados por eles. Na conta on-line serão divulgados os cardápios de cada barraca, além dos contatos dos vendedores.

A retomada da tradicional feira, no bairro Cambuí, foi confirmada nesta semana pela Prefeitura e deve acontecer neste final de semana após quatro meses de suspensão por causa da pandemia do novo coronavírus.

No entanto, os expositores terão que se adequar a algumas regras. O consumo no local, por exemplo, será proibido. Tal condição acabou gerando preocupação para alguns dos vendedores, que viram no perfil on-line uma alternativa para evitar aglomerações entre um pedido e outro, além de manter o bom funcionamento da feira.

"Eu pensei: gente, como vai ser quando a gente voltar? Porque nós não podemos servir no local e as pessoas precisam adiantar um pouco porque demanda um tempo para fazer, e caso chegue vários clientes ao mesmo tempo vai acabar gerando aglomeração e não é o que a gente quer", contou a expositora Nice Maria, que trabalha com comida nordestina na feira.

COMO FUNCIONARÁ?

Assim como explica a vendedora, na plataforma o cliente poderá visualizar os produtos e seus respectivos preços antes mesmo de chegar à feira. Dessa forma, o fluxo de pessoas será menor no local e aqueles que gostam de avaliar as opções antes de efetuar a compra também serão atendidos.

Na página haverá ainda o nome e número de telefone de todos as barracas da feira, a fim de que os clientes tirem suas dúvidas, solicitem algum produto que não foi divulgado e adiantem seus pedidos.

Há também a possibilidade de combinar a entrega, seja por delivery, drive-thru e até mesmo retirada na barraca. Vale ressaltar que os pedidos on-line não são uma exigência, mas os comerciantes ressaltam que a estratégia poderá promover segurança aos clientes e vendedores.

Mais do ACidade ON