Publicidade

cotidiano

Tentativa de ocupação em terreno gera confusão no Satélite Íris, em Campinas

Famílias acusam Guarda Municipal de usar violência

| ACidadeON Campinas -

Um homem foi rendido pela GM durante a briga (Foto: Reprodução de vídeo)

Uma tentativa de invasão de um terreno terminou em confusão na tarde deste sábado (31) em Campinas. Um grupo de cerca de 50 pessoas tentou ocupar um terreno da Prefeitura, no bairro Satélite Íris. Durante a ação guardas municipais tentaram prender um homem, o que gerou uma briga no local.

As famílias que estavam na ocupação acusam a Guarda Municipal de usar violência durante a ação. Segundo as pessoas, guardas municipais teriam usado spray de pimenta e disparado tiros de borrachas para dispersar as pessoas no local.

Em vídeos gravados, é possível ver os guardas tentando deter um homem, e muita gritaria no local. "Eles tacaram gás, bomba. A gente saiu correndo e depois eles dispararam", disse a dona de casa Hilda Emanueli.

"Eles chegaram e fizeram tudo isso mesmo com crianças, idosos, que estão aqui, e não é assim que resolve", afirmou Sheila Emanueli, que também estava no ato. 

O QUE DIZ A PREFEITURA?

Em nota, a Prefeitura de Campinas disse que a secretaria de Habitação esteve no local, que fica na Rua Rosa Balão.

"A Secretaria de Habitação informa que na tarde deste sábado, realizou uma ação para impedir a ocupação de uma área pública na Rua Rosa Balão. Cerca de 50 pessoas que estavam no local foram orientadas a sair e a procurar a Cohab para se inscreverem no cadastro de interessados em moradia que fica aberto permanentemente", diz a nota. 

Em Campinas, o cadastro para moradia conta com 41,5 mil famílias inscritas, segundo dados divulgados no mês passado. Em diversos casos, famílias esperam anos para serem chamadas (leia mais aqui)

Segundo a Administração, a GM não usa bala de borracha. A ocorrência ainda está em andamento e até agora uma pessoa foi levada à delegacia.

Mais notícias


Publicidade