Publicidade

cotidiano

Luciano Szafir recebe alta de hospital em Campinas após internação

Szafir estava internado no Hospital Vera Cruz desde a última sexta-feira, com um quadro de obstrução intestinal

| ACidadeON Campinas -

 

Ator estava internado em Campinas, e teve alta médica neste domingo (Foto: Reprodução/ Instagram)

O ator e apresentador Luciano Szafir recebeu alta médica na manhã deste domingo (19), em Campinas. Szafir estava internado no Hospital Vera Cruz, com um quadro de obstrução intestinal.

O ator deu entrada na unidade médica na sexta-feira (17), após sentir um mal estar, e os médicos optaram por deixá-lo em observação. 

Segundo a nota médica, Szafir apresentou melhora clínica e aceitou bem a dieta oferecida por conta da suboclusão intestinal. 

LEIA TAMBÉM  
Brasil registra mais de 19 mil casos e 94 mortes por covid-19 em 24h  
Mais velhos e com comorbidades; veja novo perfil de quem é internado


Vale lembrar que recentemente o ator deixou recentemente o Hospital Copa D'Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro, onde ficou 28 dias internado após a cirurgia para retirada de uma bolsa de colostomia, realizada no dia 16 de maio.  

O ator passou a usar a bolsa de colostomia depois de ter uma alça do intestino perfurada, durante o tratamento de uma embolia pulmonar provocada por uma reinfecção de covid-19. Ele já foi infectado pela covid-19 três vezes, sendo a última em janeiro deste ano. Szafir mora em Campinas. 

COMPLICAÇÕES DA COVID

Szafir foi diagnosticado com covid-19 pela primeira vez em fevereiro de 2021. Na segunda vez, em julho de 2021, chegou a ficar na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Copa Star, no Rio de Janeiro. Ele foi transferido para o local após dar entrada no Hospital Samaritano, onde estava internado desde 22 de junho após os primeiros sintomas.

O ator passou por uma cirurgia de emergência para tratar um sangramento abdominal gerado por complicações da doença, na época, o ator teve uma embolia pulmonar antes de passar pelo procedimento.

O ator testou positivo pela 3ª vez em janeiro deste ano enquanto realizava exames de rotina. Desta vez, ele ficou assintomático. 

LEIA TAMBÉM 
Varíola dos macacos: OMS anuncia resposta unificada contra doença

Publicidade