Aguarde...

cotidiano

Covid-19: Campinas tem mais 20 mortes; total é de 1.145

O total de casos confirmados agora é de 30.674. Vale ressaltar que desse total, 29.015 pessoas já estão curadas da doença

| ACidadeON Campinas

Pessoas caminham pela Avenida Francisco Glicério na região central enquanto um guindaste faz um trabalho no meio da via. (Foto: Denny Cesare/Código 19)

A Prefeitura de Campinas atualizou na manhã desta terça-feira (15) os números da covid-19 na cidade. A cidade voltou a registrar um número alto de mortes, de acordo com os dados do Boletim Epidemiológico. Ao todo foram registrados mais 20 óbitos pelo novo coronavírus.

Com a atualização do número, o total de óbitos pela doença chegou hoje a 1.145. Vale destacar, que de acordo com a Prefeitura, esse número é alto porque foi represado por causa do final de semana que registrou números mais baixos.

Do total das novas mortes, nove eram mulheres e 11 homens. Entre as vítimas apenas um não tinha comorbidades e a vítima mais nova era uma mulher de 25 anos que tinha outras doenças (leia mais sobre as vítimas fatais abaixo).   

LEIA TAMBÉM  
Butantan vai ampliar fábrica para produzir vacina contra covid-19 
Taxa cai e Campinas tem 65,58% de UTI ocupada para covid-19
 

A cidade ainda investiga a morte de outras 17 pessoas que podem ter sido causada pela doença.

Ainda segundo os dados divulgados no final da manhã de hoje, foram confirmados mais 329 casos da doença, e o total de confirmados agora é de 30.674. Vale ressaltar que desse total, 29.015 pessoas já estão curadas da doença.

Em hospitais públicos e privados há hoje 315 pessoas internadas com a doença. Fazendo o chamado isolamento domiciliar há hoje 199 pessoas com sintomas brandos da covid-19.

SOBRE AS VÍTIMAS

Homem, de 93 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 2 de setembro em hospital privado. O exame foi por exame clínico e por tomografia.  

Homem, de 79 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 04 de setembro em hospital público. O exame foi por exame clínico e epidemiológico.  

Homem, de 40 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Homem, de 41 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Homem, de 86 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Homem, de 75 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Mulher, de 73 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Mulher, de 82 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Homem, de 87 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Mulher, de 49 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital público. O exame foi por exame clínico e por tomografia.  

Homem, de 51 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Mulher, de 68 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Homem, de 52 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Mulher, de 75 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.  

Mulher, de 95 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Mulher, de 82 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 14 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Homem, de 59 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 14 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Mulher, de 50 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Mulher, de 25 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.  

Homem, de 92 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de setembro em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

Mais do ACidade ON