cotidiano

Especial coronavirus

Operação Aglomeração Zero: GM de Campinas dispersa 1,1 mil

Durante fiscalização, entre sábado de noite e a madrugada deste domingo, 119 estabelecimentos comercias foram vistoriados e um, lacrado

| ACidadeON Campinas -

Operação Aglomeração Zero da GM (Foto: Carlos Bassan/PMC/Arquivo) 

A GM (Guarda Municipal) de Campinas dispersou 1.153 pessoas entre às 23h de ontem (31) e a manhã deste domingo (1º) durante a operação Aglomeração Zero. A operação tem como objetivo coibir ou dispersar em vias públicas, praças e nas proximidades de bares grupos de pessoas em situação de aglomeração por conta da covid-19.

Coordenada pela secretaria Municipal de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública, a ação é realizada na madrugada. Hoje (domingo) e amanhã, segunda-feira, o patrulhamento tem início à 0h. A operação termina às 5h.

Segundo a Prefeitura de Campinas, a Aglomeração Zero é um reforço no patrulhamento de viaturas e efetivo em locais, mapeados pela GM a partir de dados estatísticos, que costumam reunir grupos grandes de pessoas sem distanciamento social. 

LEIA TAMBÉM 
Ampliação de horário e capacidade têm inicio hoje em Campinas  
Mulher morre esfaqueada em apartamento no Jd. Chapadão; ex-companheiro está foragido
 
Moradores denunciam festa ilegal em chácara no Pq. Universitário de Viracopos

FISCALIZAÇÃO

Além da dispersão, foram vistoriados ontem 119 estabelecimentos comerciais. Destes, quatro foram fechados e um foi lacrado.

As equipes de fiscalização contam com agentes municipais das secretarias de Saúde (por meio da Coordenadoria de Vigilância Sanitária), Planejamento e Urbanismo, Setec e Procon.

A Prefeitura ressaltou ainda que a colaboração da população é muito importante no controle da pandemia em Campinas. Mesmo com o avanço da vacinação, os cidadãos devem manter o uso correto da máscara, fazer higienização das mãos e manter o distanciamento social.

Mais notícias


Publicidade