Publicidade

cotidiano

Recorde: Campinas registra maior temperatura de 2021 hoje

Cidade atingiu 34,6°C no começo da tarde desta quarta-feira e máxima chegou a 35,9ºC por volta de 15h

| ACidadeON Campinas -


Campinas bateu recorde de calor (Foto: Luciano Claudino/Código19) 

 *Matéria atualizada às 15h58*

Campinas registrou nesta quarta-feira (8) a temperatura mais alta de 2021, superando o recorde de calor no ano. Entre 13h20 e 13h30 a temperatura chegou a 34,6°C, já batendo recorde. Às 15h10 a máxima subiu ainda mais, e chegou a 35,9ºC. 

A medição foi feita pelo Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura) da Unicamp. Antes de hoje, a temperatura mais alta do ano tinha sido registrada no dia 25 de agosto, com 34,1ºC

PREVISÃO NÃO ERROU

A previsão do tempo já indicava que a quarta-feira teria temperaturas em elevação, superando o recorde de calor. No entanto, com o aumento na nebulosidade desde a noite de ontem, os meteorologistas tiveram dúvidas se a máxima chegasse a ser a maior do ano.

"Tivemos uma nebulosidade que se formou ao longo da noite e inibiu um pouco a subida nas temperaturas, mas a nebulosidade já está se dispersando, fazendo com que a temperatura suba bastante", explicou Bruno Bainy, meteorologista do Centro. 

Segundo o Cepagri, durante a tarde o céu da cidade tem algumas nuvens, mas está mais acinzentado e opaco por causa da poluição do ar. Às 13h20 de hoje, a imunidade relativa do ar atingiu 18,4% e a cidade entrou em estado de alerta.

MUDANÇA NO TEMPO


Depois do calor intenso, Campinas tem um aumento de nebulosidade variável e possibilidade de chuva já a partir desta quinta-feira (9).

Segundo Bruno, a mudança no tempo vai de encontro a uma frente fria associada ao sistema de baixa pressão que vem no Sul do país, e ainda deve atingir todo o estado de São Paulo.

"Temos um sistema de baixa pressão no Rio Grande do Sul, que avança com frente fria e deve chegar ao estado de São Paulo até o fim do dia de hoje. Ao longo de amanhã, essas áreas de chuva avançam para as demais regiões do estado, inclusive em Campinas. A partir da tarde esperamos o tempo fechando mais, com chuvas a partir da tarde, noite", explicou.

No entanto, apesar da chegada da frente fria, não haverá uma queda significativa na temperatura.

"Não vamos ter queda de temperatura associada a entrada dessa massa de ar frio, o que teremos são condições de nebulosidade e chuvas que impedirão que as temperaturas subam entre sexta e sábado" disse Bainy.

FIM DE SEMANA

Ainda de acordo com o Cepagri, o sábado deve ser de céu com muitas nuvens e chuvas recorrentes, com temperaturas mais amenas. Como não há indicativos da entrada de ar polar na região, já no domingo, conforme a nebulosidade se afasta, as temperaturas voltam a subir, devendo ficar acima dos 32ºC.

"No domingo, essa nebulosidade deve ir embora e as temperaturas voltam a subir bastante. Isso porque essa frente fria vai passar mais pelo sul do estado, e não vamos ter essa queda de temperatura associada a entrada de massa de ar frio. O que vamos ter são condições de nebulosidade e chuvas que impedem que as temperaturas subam", finalizou.

Mais notícias


Publicidade