Publicidade

cotidiano

Sete homens são presos após roubo com sequestro-relâmpago em Campinas

Motorista foi feita refém durante roubo de carga em Campinas; bandidos foram detidos após uma perseguição

| ACidadeON Campinas -

Revólver calibre 38 foi apreendido pela PM após perseguição entre Campinas e Hortolândia (Reprodução/EPTV Campinas)
 

Sete homens foram presos na tarde desta segunda-feira (20) após um sequestro relâmpago que começou no distrito de Sousas, em Campinas, e terminou em Hortolândia. A vítima transportava cigarros e foi libertada ilesa (veja abaixo).

Segundo a PM (Polícia Militar), uma motorista foi rendida quando se preparava para entregar uma carga de cigarros avaliada em R$ 60 mil. Uma testemunha viu o momento em que os criminosos fugiram com a mulher em um Sandero.

Depois de acionada, a PM localizou e perseguiu o veículo por mais de 15 km, de Campinas até a Rodovia dos Bandeirantes (SP-348), na região de Hortolândia.

"As equipes encontraram o veículo na Avenida Lix da Cunha. Uma equipe se deslocou para o local e visualizou esse veículo pela SP-101 na região do Parque Santa Bárbara, em Campinas", explicou o soldado da PM, Paulo Rodrigues.

A vítima foi libertada e os dois bandidos que a mantinham refém foram presos em flagrante. Com a dupla, um revólver calibre 38 foi encontrado e apreendido.

Durante a apresentação da ocorrência na 2ª Delegacia Seccional de Campinas, outra equipe da PM localizou a Fiorino que a vítima dirigia no bairro Jardim Adhemar de Barros, em Hortolândia. A carga de cigarros não foi encontrada.

No local, um automóvel Palio foi parado depois de acelerar e fugir ao ver a viatura. Ao todo, cinco suspeitos que estavam no carro foram abordados e detidos por suspeita de participação e envolvimento no sequestro relâmpago.

LEIA MAIS
SAP apreende 176 celulares perto de penitenciária de Campinas
Invadida, loja de tratores tem até câmeras furtadas em Jaguariúna

MORTO EM PAULÍNIA


Um homem, de 36 anos, morreu após ser baleado em frente a uma escola particular de Paulínia, no final da manhã desta segunda-feira.

O crime aconteceu por volta de 11h40 em frente ao Colégio Adventista de Paulínia, no Jardim Itapoan. O homem ia buscar a filha quando foi assassinado.

Segundo a Guarda Municipal, o homem foi alvo de vários disparos, chegou a ser socorrido ao Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos.

Câmeras de segurança registraram o momento do crime. No vídeo, é possível ver quando a vítima estaciona o carro e anda em direção à escola.

O atirador, que estava em um carro de cor cinza escuro estacionado em frente ao colégio, desce do veículo encapuzado faz os disparos. Segundo o Corpo de Bombeiros, ao menos cinco tiros atingiram a vítima.

Nas imagens, é possível ver o desespero de pais e crianças que correm após ouvir os tiros. O atirador foge no carro com um comparsa. 

LEIA MAIS
Morador de Americana sofre queimaduras após incêndio em casa

Publicidade