Publicidade

cotidiano

Vigilância autua dois estabelecimentos em Barão Geraldo

Ao todo, 15 estabelecimentos foram fiscalizados na noite de ontem e dois foram autuados por descumprimento das normas de segurança contra à covid-19

| ACidadeON Campinas -

Fiscalização autou dois estabelecimentos em Barão Geraldo nesse sábado (Foto: Ilustrativa - Denny Cesare/Código19)

Uma ação do Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde) realizada nesse sábado (12) autuou dois estabelecimentos no distrito de Barão Geraldo, em Campinas, por descumprimento das normas de prevenção para o controle da pandemia do novo coronavírus.  

LEIA TAMBÉM 
Vigilância fiscaliza 38 e autua 4 estabelecimentos em Campinas

Ao todo, foram inspecionados 15 estabelecimentos, entre eles lojas, restaurantes e bares, na noite de ontem. A ação foi realizada pelo Devisa, da Secretaria Municipal de Saúde de Campinas, em conjunto a Secretaria de Estado da Saúde. 

Destes 15, dois estabelecimentos foram autuados por descumprirem as regras sanitárias, como ausência de controle de fluxo de pessoas e frequentadores sem uso de máscaras e aglomeração. 

A multa para o descumprimento das regras sanitárias, segundo a Prefeitura, é de R$1.446,44. Em caso de reincidência, a multa dobra. Nas ações, foram reforçadas as orientações para a importância de adotar e seguir as medidas sanitárias para prevenção e combate à covid-19. 

Segundo a Prefeitura, o período atual é de intensificação dos cuidados, visto que todas as cidades do estado de São Paulo foram reclassificadas na fase amarela do Plano São Paulo de flexibilização da quarentena. A população pode colaborar e denunciar locais que estiverem descumprindo as regras sanitárias por meio do telefone 156, da Prefeitura de Campinas. 

FASE AMARELA 

Campinas voltou para a fase amarela da quarentena de combate ao coronavírus no dia 2 de dezembro, conforme foi determinado pelo Governo do Estado de São Paulo. O DRS (Departamento Regional de Saúde) de Campinas regrediu, assim como todas as regiões do Estado em 30 de novembro, um dia após as eleições municipais.

Desde outubro a região de Campinas estava na fase verde do Plano São Paulo, com comércios e serviços autorizados a funcionar com a capacidade de ocupação autorizada em até 60% e autorização para o funcionamento dos estabelecimentos em até 12h diárias. Antes disso, a cidade ficou por mais de dois meses na fase amarela.

Na sexta-feira o governo estadual ampliou o horário de funcionamento do comércio para até 12 horas com a capacidade de ocupação em 40%. Já os bares teve o horário de funcionamento reduzido para até 20h e os restaurantes podem seguir abertos até as 22h, porém a venda de bebidas alcóolicas é permitida até as 20h (leia mais aqui). 

Publicidade