Aguarde...

cotidiano

Covid-19: Latam suspende voos em Viracopos e demite 34 funcionários

Empresa informou que avanço da nova doença diminuiu a demanda da companhia, que operava na cidade o voo Campinas-Brasília

| ACidadeON Campinas

Aeroporto Internacional de Campinas (Foto: Denny Cesare/Código19) 

A Latam confirmou nesta terça-feira (30) que suspendeu a operação no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, por conta da epidemia de covid-19. De acordo com a empresa, 34 funcionários da base de Campinas foram demitidos com a suspensão do serviço.

A companhia aérea explicou que a suspensão ocorre por conta do efeito causado pelo novo coronavírus, que baixou a demanda por voos. Em Viracopos, o voo que será suspenso é o de Campinas-Brasília.

Ainda na cidade, ficarão aproximadamente 51 funcionários, tanto aqueles da equipe de cargas (esta que se mantém no aeroporto), quanto da equipe de aeroporto, que, além de dar suporte remoto a outras bases, irá atuar em eventuais situações de voos da companhia que precisem alternar para a localidade.

Em nota oficial, a Latam disse ainda que a "retomada será reavaliada de acordo com a demanda e os desdobramentos da pandemia".

Os passageiros que compraram passagens para voar na rota suspensa serão notificados progressivamente por e-mail e terão a possibilidade de fazer alterações de data e/ou destino, ou solicitar um voucher de viagem pelo valor cancelado por meio da opção Minhas Viagens (LATAM.com) ou por meio dos números dos Canais de Atendimento.  

LEIA TAMBÉM 
Covid-19: Campinas tem mais 21 mortes e total chega a 317 
Campinas continua com lotação e tem 2 leitos SUS para covid-19 
Secretário com covid-19 é internado no Albert Einstein, em SP

ALTERNATIVAS

A rota Campinas-Brasília ainda é oferecida por duas companhias aéreas em Viracopos, a Azul e Gol. A concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, que administra o aeroporto, preferiu não se manifestar sobre a decisão da Latam.

Mais do ACidade ON