Publicidade

cotidiano

Feriado: estradas aguardam movimentação de 1,5 milhão de veículos

Rodovias esperam grande fluxo de carros já na tarde desta sexta-feira (8); veja horários de pico

| ACidadeON Campinas -

Trecho da Rodovia Dom Pedro em Campinas (Foto: Divulgação/Rota das Bandeirantes)
 

As principais rodovias da RMC (Região Metropolitana de Campinas) estimam a circulação de 1.512.00 veículos entre esta sexta (8) e a próxima terça-feira (12), no feriado da Padroeira. 

As concessionárias esperam grande fluxo já na tarde de sexta, mas preveem também outros períodos e horários de pico (confira abaixo os detalhes). 

Por conta da movimentação no feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida, as responsáveis pelos trechos também programaram operações especiais. 

ANHANGUERA E BANDEIRANTES 

O Sistema Anhanguera-Bandeirantes deve receber cerca de 840 mil veículos, segundo previsão da CCR AutoBAn e a Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo). Confira a previsão para as maiores movimentações: 

- Sexta-feira (8): das 16 às 20 horas;
- Sábado (9): das 8 às 12 horas;
- Terça-feira (10): das 11 às 20 horas. 

Por conta da movimentação, algumas medidas foram tomadas. Para receber informações sobre o tráfego, informar ocorrências, ou solicitar auxílio mecânico e resgate, por exemplo, os usuários podem enviar mensagem de WhatsApp para o número (11) 4589-3999, ou ligar no telefone de emergência 0800 055 55 50.

Além disso, foi organizada a Operação Caminhão para melhorar o fluxo. No domingo (10) e na terça (12), das 14h às 22h, os caminhões que vão à Capital pela Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) devem usar a Anhanguera (SP-330) entre os km 48 e 23, entre Jundiaí e São Paulo, acessando a saída 48 da Bandeirantes. 

DOM PEDRO E ZEFERINO VAZ 

A concessionária Rota das Bandeiras prevê a passagem de quase 627 mil veículos somando a D. Pedro I (SP-065) e a Zeferino Vaz (SP-332) durante os cinco dias de Operação Especial por conta do feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida. 

Deste volume, 515 mil são aguardados somente na D. Pedro I, que faz a ligação entre a RMC e o Vale do Paraíba, e é usada por motoristas que seguem para as praias do Litoral Norte de São Paulo ou, neste feriado, para a Basílica de Aparecida. 

A rodovia Professor Zeferino Vaz deve registrar a passagem de 112 mil veículos. A Rota prevê que a saída para o feriado tenha trânsito mais intenso no período das 17h às 21h de sexta-feira. Já no retorno, historicamente, o fluxo é mais diluído. 

A operação mobilizada pela concessionária vai contar com guinchos e ambulâncias posicionados em pontos estratégicos para garantir a agilidade em casos de socorros médicos e mecânicos. Toda a movimentação será acompanhada por 91 câmeras. 

Os motoristas que desejarem mais informações ou necessitarem de qualquer tipo de auxílio poderão entrar em contato com a Rota das Bandeiras por meio do telefone 0800-770-8070. O serviço é gratuito e funciona 24 horas. 

CAMPINAS-MONTE MOR 

A concessionária Rodovias do Tietê tem a expectativa de receber cerca de 45 mil veículos na Rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença (SP-101). Para isso, de sexta até terça-feira, todo o efetivo operacional estará nas rodovias. No trajeto entre Campinas e Tietê, os períodos com maior fluxo de veículos são: 

- Sexta (8): entre 14h e 19h
- Sábado (9): entre 08h e 12h
- Domingo (10): entre 13h e 17h
- Segunda (11): entre 14h e 19h
- Terça (12): entre 14h e 18h 

Em casos de emergência, os usuários podem entrar em contato com a Rodovias do Tietê por meio do número 0800 770 3322 ou através dos telefones de emergência, disponíveis em todo o trecho sob concessão.

Mais notícias


Publicidade